Oficiais x Praças: Associação defende Governo Fátima

25/11/2021 às 07:16


Após a Associação de Cabos e Soldados criticar o conteúdo aprovado na matéria que trata do sistema de proteção social discutido na Assembleia, a Associação de Oficiais da PM divulgou uma nova nota, defendendo o texto e devolvendo a acusação: seria a ACS que estaria com questões políticas envolvidas. Segue: 

NOTA DA ASSOFME

Em respeito a verdade e repudiando ilações eleitoreiras feitas por algumas instituições e políticos, a Associação dos Oficiais Militares do Rio Grande do Norte esclarece que são inverídicas as informações de que o projeto de lei que trata do sistema de proteção social foi modificado após o acordo com as entidades de classe.
 
A proposta enviada pelo Governo é, exatamente, a acordada por todos. Por isso, necessidade dela ser aprovada na sua integralidade.

É inaceitável que entidades, após todo acordo, agora estejam tentando mudar o rumo e a feição do projeto, o que, caso fosse aprovado, traria graves e grandes prejuízos aos militares estaduais. 

O que há neste momento, infelizmente, é o oportunismo de alguns de tentarem modificar a matéria com o único objetivo eleitoreiro, buscando apensar à matéria a permissão de militares combatentes com até 70 anos de idade na corporação, já que uma das emendas é aumentara idade de ingresso para 35 anos. Outra emenda, de forma irresponsável com os cofres públicos, pretende isentar contribuições de reformados por doenças incapacitantes e aumentar em 10% os seus salários. A real motivação dessas emendas é a busca por segmentos específicos do eleitorado, que estará nas urnas em 2022. 

A ASSOFME se mantém na defesa intransigente dos militares do RN e, por isso mesmo, sem qualquer bandeira partidária. Nossa luta é pelo fortalecimento e valorização dos oficiais Militares potiguar, por instituições respeitada. Nosso compromisso é com a sociedade do Rio Grande do Norte e, por isso, a necessidade imperiosa de repor a verdade e convocando, o povo do Rio Grande do Norte, a se colocar nesta luta em defesa de um sistema de proteção social justo e legítimo.

Natal/RN, 24 de novembro de 2021.






16 respostas para “Oficiais x Praças: Associação defende Governo Fátima”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *








PERFIL

Gosta de comentar fatos do cotidiano do Brasil e do Estado nas suas redes sociais.

Jardim das Águas Jardim das Águas