O enigma de Ezequiel: Ele, Walter, Rafael e Garibaldi juntos e misturados

14/05/2022 às 19:28


Imagem noticia-detalhe

É tudo muito estranho, Ezequiel Ferreira com Rafael Motta e Walter Alves (Garibaldi também) em Apodi. Eu não entendo Ezequiel, nunca consigo acompanhar seu raciocínio, suas posições.

Como só Ezequiel fala por Ezequiel e Ezequiel não fala, então teríamos que interpretar Ezequiel pelas fotos de Ezequiel e gestos de Ezequiel. Eu só lembro do quadro de Monalisa, para cada ângulo 📐 que olhamos tem uma expressão.

Ezequiel está com Rogério e tira fotos com Rafael, era pré-candidato ao governo pela oposição sendo aliado de Fátima, tem uma junção com Walter para 2022 e diz que ainda analisa o cenário. Lembrei de Renato Cunha Lima, ele disse ontem que Ezequiel era um sapato de tamanho universal, cabe em qualquer pé 🦶. 

O maior adversário de Ezequiel é o próprio Ezequiel e sua falta de posicionamento. Um político que não fala em público. Com seu comportamento de sapato para qualquer pé saiu de forte candidato ao governo ou favorito para a reeleição na presidência da Assembleia Legislativa para apenas ser um pobre aprendiz de Raimundo Fernandes, Vivaldo Costa e Albert Dickson. 

Com certeza Ezequiel olha o futuro, será governo em qualquer cenário. 

Peço desculpas pela quantidade de vezes que repeti o nome Ezequiel, mas Ezequiel é único, só Ezequiel entende Ezequiel. 







17 respostas para “O enigma de Ezequiel: Ele, Walter, Rafael e Garibaldi juntos e misturados”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *










PERFIL

Gosta de comentar fatos do cotidiano do Brasil e do Estado nas suas redes sociais.

Contos