Styvenson detona Governo Bolsonaro após prisão de ex-ministro: "Não tinha corrupção. E agora?"

22/06/2022 às 12:50


O senador Styvenson Valentim (PODEMOS-RN) detonou nesta quarta-feira (22) o Governo Bolsonaro após a deflagração da Operação da Polícia Federal que resultou na prisão do ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro. Styvenson ainda respondeu a seguidores que tentavam defender "o indefensável", segundo o parlamentar. 

Veja o texto de Styvenson sobre o caso: 

Vale lembrar que neste ano o senador potiguar viveu um dos momentos mais polêmicos de seu mandato ao retirar a assinatura da CPI que iria investigar, exatamente, este escândalo no Ministério da Educação. Na época, o parlamentar foi notícia nacional porque alguns veículos apontaram que ele havia retirado a assinatura porque o Governo Federal liberou uma emenda parlamentar dele. 

Diante da acusação, Styvenson concedeu entrevista ao Jornal das 6 e afirmou que não iria apoiar o "circo político" da CPI e deixaria a investigação para os "órgãos investigadores". Além disso, Styvenson afirmou que iria processar os jornalistas e os veículos que o acusaram de retirar assinatura em troca de emenda. Relembre: 

VEJA MAIS NOTÍCIAS SOBRE O CASO

Portal 96

 







52 respostas para “Styvenson detona Governo Bolsonaro após prisão de ex-ministro: "Não tinha corrupção. E agora?"”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Publicidade Publicidade