Anfavea aponta alta de 33,4% na produção de veículos em julho

06/08/2022 às 05:05


Levantamento da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), divulgado nesta sexta-feira (5/8), revelou que a produção de veículos no Brasil teve alta de 33,4% no mês de julho deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. No entanto, o acumulado do ano teve uma redução de 0,2%, na venda de automóveis novos, com 1,31 milhão de unidades.

O resultado mostra uma superação da crise dos semicondutores enfrentada pela indústria automotiva que abalou todo o mercado nos dois últimos anos.

“Ainda temos restrições de insumos e logística, como mostram essas paradas de fábrica, mas estamos recebendo mais semicondutores do que no ano passado e do que no primeiro trimestre deste ano”, explicou o presidente da Anfavea, Márcio de Lima Leite.

Vendas
De acordo com o levantamento, em julho foram vendidos 182 mil unidades, um crescimento de 3,7% em comparação com o mês de junho deste ano. Entretanto, entre janeiro e julho, houve uma queda de 12% no emplacamento, com 1,1 milhão de unidades vendidas.

No entanto, a Anfavea prevê uma alta no mercado de veículos após a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). “Os veículos que já estão na rede de concessionários, mas ainda não foram vendidos, poderão ser faturados com a nova alíquota de IPI”, aponta a associação.

Exportação
Em julho, foram exportados 41,9 mil automóveis, 11,4% a menos que em junho e um aumento de 76,3%em comparação com o mesmo período do ano anterior.

A Anfavea destaca que o declive na exportação de veículos se deve a crise econômica que abala a Argentina, um dos principais destinos dos produtos produzidos no Brasil. Entretanto, o setor é socorrido pela demanda de outros países da América Latina, como Chile e Colômbia.

Metrópoles







2 respostas para “Anfavea aponta alta de 33,4% na produção de veículos em julho”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *










PERFIL

Gosta de comentar fatos do cotidiano do Brasil e do Estado nas suas redes sociais.

Publicidade Publicidade